Por: Kênnia Fuch | 0 Comentário(s)

Dançando em chamas


O fim do mundo é nesse dia 26, largue tudo e dance um tango comigo. 

Com esta sala em chamas, esqueça as vidraças lá fora, deixe a cidade pegar fogo, aguarde a nossa vez com um último momento de ternura e vastidão. Não deixe as nossas testas se separarem nem por um segundo, o meu nariz não pode se perder do roçar do teu. Em poucos segundos diante do som de piano o meu quadril se encaixa no teu e o ritmo nos encontrará. É aí que devem estar as tuas mãos miúdas, no topo do meu pescoço, como se fôssemos um só. 

Dance Only You comigo enquanto o caos se espalha lentamente sobre uma nação desesperada por vida, quando há pouco tempo não a compreendiam como algo celestial. Nós entendíamos, eu sei o sabor do fim, você tem o mesmo gosto na boca, então dancemos em círculos, nessa sala iluminada por oito velas espalhadas pela pelos móveis.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.