Ocasionalmente

sexta-feira, julho 18, 2014


E se eu, por acaso, encontrar com você na fila do pão do supermercado que você vai todos os dias às três da tarde e que fica a dois quilômetros da minha casa? E se coincidentemente eu me mudar para a casa ao lado da sua? Ou se, acidentalmente, eu cair nua na sua cama e acordar todos os dias ao seu lado pelo resto das nossas vidas? Você vai me amar como eu te amo?

You Might Also Like

2 comentários